As plantações de lavanda em Cunha

A cidade de Cunha, localizada no Vale do Paraíba, fica a pouco mais de 230 km da cidade de São Paulo. Cunha já foi rota do ouro, do café e até da Revolução Constitucionalista (1932). Nos últimos tempos, a cidade passou a fazer parte dos roteiros turísticos. Cunha ficou famosa não só pelas peças de cerâmica, mas também pelas maravilhosas plantações de lavanda nos arredores. Isso porque os campos floridos certamente fazem jus às lindas imagens das coloridas plantações no sudeste francês – provando que o Brasil é cheio de coisas maravilhosas e que merecem ser exploradas, principalmente, por quem mora nas terras tupiniquins.

Na serra entre Cunha e Paraty há duas plantações abertas para visitação: o Lavandário e o Contemplário.

Ambos estão localizados nas montanhas e, além das lavandas, abrigam também outras plantas aromáticas, como alecrim, capim limão e café. As fazendas destilam a flor roxa e a partir da extração do óleo essencial de lavanda, produzem de tudo: sabonetes, cremes, aromas, velas, bombons e até mesmo sorvete.

Abelhas

Minha visita foi ao Contemplário pelo fato do tempo ser curto e da entrada ser gratuita. O lugar é maravilhoso e pouco explorado pelos turistas. Sossegado, o espaço conta com uma cafeteria e loja, logo na entrada, onde é possível encontrar diversos tipos de produtos gerados a partir da lavanda. Ao lado da loja, há um agradável e charmoso espaço, permeado de plantas, para relaxar e sentir os aromas da natureza. Por lá, é permitido desbravar toda a plantação de flores, que ocupa parte de um terreno de 3 hectares, assim é possível observar a planta de perto, atentando aos diferentes tons, e também fazer lindas fotografias no meio do cultivo.

A visitação dura em média 1 hora, mas isso, na verdade, depende de cada pessoa, afinal cada um tem seu próprio ritmo. O terreno é cheio de deques e mesas para que o visitante possa apenas sentar e contemplar ou fazer um piquenique, por exemplo.

Captura de Tela 2017-07-26 às 01.22.53

Através do “boca a boca”, com outros turistas e moradores de Cunha, minha conclusão foi que o Lavandário não deixa nada a desejar no quesito beleza, mas é um lugar pouco mais focado no comércio e na exploração do turismo.

Dica: muitas pessoas gostam de visitar as plantações de lavanda num horário próximo ao pôr do sol – o fim do dia rende lindas fotografias. Entretanto, visitar os espaços pela manhã continua sendo maravilhoso, as fotos ficam excelentes e os campos ficam mais vazios.

Campo

Contemplário

Serviço

Horário: 10 – 18h (checado em julho de 2017)

Confira os dias de visitação através do site

Entrada gratuita (checado em julho de 2017)

Endereço: Rodovia Vice Pref Salvador Pacetti (Rodovia Cunha – Paraty), KM 61,5  (lado direito para quem vem de Cunha, atente as placas).

Facebook

Site

O Lavandário

Serviço

Horário: 10 – pôr do sol (checado em julho de 2017)

Confira os dias de visitação através do site

Entrada: R$ 10,00 (checado em julho de 2017)

Endereço: Rodovia Vice Pref Salvador Pacetti (Rodovia Cunha – Paraty), KM 54,7 (lado esquerdo para quem vem de Cunha).

Site

Um comentário sobre “As plantações de lavanda em Cunha

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s