Como conseguir ir em uma atração disputada da Disney se não peguei o FastPass+?

O FastPass+ ajuda muita gente a aproveitar melhor os parques do Walt Disney World, mas, como já falei aqui, hóspedes da Disney têm vantagens na hora de marcar um fura-fila e isso faz com que seja praticamente impossível conseguir FP+ para algumas atrações, cujo tempo de espera pode superar 200 minutos. Entretanto, isso não quer dizer que suas chances de curtir um brinquedo badalado estão esgotadas.

Há a opção óbvia de simplesmente entrar na fila a hora que você quiser. Mas, o problema é que além de correr o risco de “perder” parte de seu dia em uma longa fila, você vai ficar, inevitavelmente, bastante desgastado. Algumas pessoas optam por encarar a fila no fim do dia, depois que já viram tudo ou durante o show do parque – durante uma viagem à Orlando em 2017 fiz isso com minha família para ir no Avatar: Flight of Passage, mas admito que foi muito cansativo ficar em pé numa fila demorada depois de ter batido perna o dia inteiro, a sensação era de que o tempo não passava; por fim, acabei desistindo e sai faltando pouco para minha vez.

De qualquer forma, a melhor solução que conheço para a pergunta título é: chegando cedo ao parque – especialmente se a intenção é aproveitar tudo o que o lugar tem a oferecer. Frisando que quando digo chegar cedo, é chegar antes do parque abrir (normalmente, os parques da Disney abrem às 9h)!

Img 33 Animal Kingdom
Pandora, no Animal Kingdom

Não é só você que vai tentar essa jogada, portanto não vá esperando encontrar o parque deserto. Além disso, chegar mais cedo e ir direto para a atração não isenta ninguém de fila, a questão aqui é driblar uma longa espera – a tendência é que o tempo de espera das atrações movimentadas aumente com o decorrer do dia.

Resumindo, talvez você não seja o primeiro a ir no brinquedo e ainda assim fique um tempinho na fila. Mas, pode ter certeza que será bem menos do que você ficaria em qualquer outro horário.

Toy Story Land Jesse e SDD
Parte da Slinky Dog Dash Roller na recém inaugurada Toy Story Land, Hollywood Studios

Se você pretende colocar esse esquema em prática, programe-se para estar no parque pelo menos uns 40 minutos antes dele abrir.

Vale também evitar finais de semana e feriados estadunidenses na hora de escolher o dia do passeio. Além disso, confirme se terão as extra magic hours no dia escolhido, ou seja, horários em que o parque está aberto exclusivamente para hóspedes da Disney – pois é, tem isso também.

Caso seja sua primeira vez na Disney, e mesmo que não, acho muito válido dar uma olhada nos mapas dos parques antes de ir. Assim, você já tem uma noção de onde está a atração. Claro que na hora vai ter um baita fluxo de gente indo para o mesmo lugar que você, mas nunca é demais já estar por dentro do caminho.

Mapa Magic Kingdom

Mapa Animal Kingdom

Mapa Hollywood Studios

Mapa Epcot

IMG_4187

Eu testei (e aprovei) todo esse esquema de chegar cedo para ir no Avatar: Flight of Passage, uma das atrações mais concorridas do mundo Disney ultimamente e, na minha opinião, a mais chatinha em questão de fila.

Para conhecer o brinquedo, fui ao Animal Kingdom numa quarta-feira, 5 de dezembro de 2018, e enfrentei um friozinho de 10ºC. Também acho importante mencionar que eu estava sozinha na fila. Eis meu itinerário:

7:45 – saída do hotel (localizado na International Dr. próximo ao McDonald’s da Sand Lake Rd.)

8:15 – estacionei o carro no setor Unicorn do Animal Kingdom

8:30 – entrei no parque (já havia passado pela segurança e pelos totens de ingresso)

Os portões dos parques podem ser liberados antes do horário de abertura. Contudo, as atrações começam a funcionar somente às 9h.

8:35 – finalmente (depois de andar apressada, obviamente) cheguei à Pandora, que já estava aberta e bastante movimentada; a fila para o Avatar: Flight of Passage já estava formada e ocupava parte da África (outra área do Animal Kingdom)

8:36 – entrei na fila para Avatar: Flight of Passage; o tempo de espera estimado era de 60 minutos

8:53 – passei pela entrada oficial da atração (portal marcando o tempo de espera e as filas Stand-by e FastPass+)

A fila estava correndo com bastante fluidez, se fiquei 5 minutos parada em um mesmo ponto, foi muito. Além disso, o caminho estava bastante encurtado – não passamos pelo  avatar Na’vi (foto acima) ou pelo laboratório.

9:08 – minha experiência dentro do Avatar: Flight of Passage começou

Lembra que eu disse que estava sozinha na fila? Pois é, isso com certeza fez diferença. Quando já estava numa fila que antecede aquele negócio de “how many?” (quantos?) e “row number sei lá qual” (fileira número), um cast member começou a chamar por um single rider, que nada mais é do que alguém que está solo no brinquedo. Então lá fui eu voar em um Banshee por Pandora! De qualquer forma, acredito que se eu não estivesse sozinha teria ficado, no máximo, mais 15 minutos aguardando.

9:26 – Passei pelas portas de saída da atração

Eu poderia ter ido ao parque muito mais cedo naquele dia, mas não quis e não me arrependo! Tudo aconteceu no tempo certo e às 9h30 eu já estava circulando por Pandora e pronta para aproveitar meu dia pelo Animal Kingdom. Valeu muito a pena – que simulador incrível!

O truque de chegar cedo ao parque serve para Avatar: Flight of Passage, Na’vi River Journey, Seven Dwarfs Mine Train, Slinky Dog Dash, Test Track, Soarin e Frozen Ever After.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s